Fundación WWB

Equidade de gênero e oportunidades de desenvolvimento

Fundación WWB

Equidade de gênero e oportunidades de desenvolvimento

Colombia / Fundações

img1 (27).jpg

A Fundação WWB, junto com seu Banco W, tem como objetivo fortalecer as habilidades pessoais e empresariais das mulheres através de seu programa Yaru, focado principalmente em microempresárias e empreendedoras de subsistência que estão em situação de vulnerabilidade socioeconômica. A fundação evoluiu de uma filantropia tradicional a uma mais estratégica que contempla investimentos de impacto, cobrindo todo o contínuo de capital.

wwb.png
 

Antecedentes e contexto

De acordo com um boletim recente do Observatorio para la Equidad de la Mujer (OEM) publicado em 2020, “as mulheres na Colômbia e, portanto, no Vale do Cauca, são sistematicamente relegadas à esfera privada; o que significa que sua carga de trabalho não é, em grande parte, remunerada e que, portanto, sua força de trabalho não é levada em conta na medição da geração de riqueza no país”¹.

Essa realidade as manteve distantes do setor produtivo se comparadas aos homens, a ponto de, ainda hoje, terem uma participação menor no mercado de trabalho colombiano e uma ocupação substancialmente maior em tarefas domésticas. Em Cali, a terceira cidade mais populosa da Colômbia, a diferença entre a taxa de ocupação de homens e mulheres em 2019 foi de 15,6% a favor dos homens, evidenciando que a população feminina enfrenta maiores dificuldades de acesso ao emprego².

Com o objetivo de aproximar as mulheres do desenvolvimento econômico com base na inclusão financeira, foi criada a Fundação WWB em 1982 por iniciativa de um grupo de mulheres líderes do setor financeiro em Cali. Com recursos próprios, decidiram promover essa iniciativa em um contexto em que não havia oportunidades de microfinanças para a população em geral e muito menos para as mulheres.

“As mulheres na Colômbia e, portanto, no Vale do Cauca, são sistematicamente relegadas à esfera privada; o que significa que sua carga de trabalho não é, em grande parte, remunerada”.

Essa organização foi uma das cinco primeiras entidades de microfinanças – e a primeira na América Latina – a fazer parte da rede Women’s World Banking (da qual deriva seu nome), uma rede global de microfinanças com foco nas mulheres e cujo principal objetivo é lhes permitir o acesso ao microcrédito. A partir dessa iniciativa, começaram a nascer outras entidades como a Fundación de la Mujer, a Fundação Mundo Mujer e a Corporación Mundial de la Mujer

A fundação trabalhou com esse modelo de microfinanças até 2011, quando começou a crescer em âmbito nacional. Naquela época, foi tomada a decisão de seguir os passos de outras entidades semelhantes que constituíram bancos. Contudo, em vez de se transformar em um banco, a Fundação WWB criou uma entidade financeira independente, o Banco W, mantendo uma participação acionária de 86%. Como fundação, continuou a concentrar suas ações na redução das lacunas de desigualdade para as mulheres e na promoção de sua participação ativa no desenvolvimento econômico.

Utilizando o banco para se alavancar e garantir a própria sustentabilidade, a fundação impulsiona “empreendedoras com recursos limitados na Colômbia, para contribuir para sua transformação em mulheres independentes e capazes de tomar as decisões certas para construir um projeto de vida decente e melhorar seu nível socioeconômico e o de suas famílias”³.

¹ Observatorio para la Equidad de las Mujeres (OEM) (2020). La autonomía económica en las mujeres del Valle del Cauca: una problemática ocvulta en nuestra realidad. Boletín No. 4, marzo de 2020. Disponível em
² Números obtidos a partir da Gran Encuesta de Hogares (Grande Pesquisa Domiciliar) [2019] citada pelo Observatorio de la Equidad de la Mujer (OEM).
³ Fundación WWB. Historia Disponível em

foto1 (3)29.jpg
 

Descrição

A Fundação WWB Colômbia trabalha em três pilares: pessoas, conhecimento e negócios (investimentos de impacto social), focados em microempresárias e empreendedoras de subsistência que estão em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Esse foi o segmento escolhido porque as mulheres tendem a quebrar os ciclos da pobreza, pois quando têm lucros, investem três vezes mais do que os homens em educação, saúde e alimentação para a família⁴.

 

Implementação

A combinação dos três pilares acima mencionados permite maior eficiência e fortalece a visão colaborativa. A fundação executa diretamente os programas de treinamento, que estão no centro da sua missão, e coordena e articula as iniciativas que impulsiona com seus parceiros. O programa Ruta Yarú, dentro do pilar Pessoas, é um caminho completo que oferece às empreendedoras oportunidades de crescimento econômico.

A implementação dos programas da fundação é financiada inteiramente com recursos próprios, oriundos dos rendimentos dos investimentos estratégicos da organização, que garantem a sustentabilidade de médio e longo prazo.

Pilares da Fundação WWB

Pessoas

Conhecimento

Negócios

Buscam fortalecer as habilidades pessoais e empresariais das mulheres empreendedoras para melhorar sua autonomia pessoal e econômica, implementando iniciativas de formação e aprendizagem através de canais presenciais e virtuais, em quatro áreas do conhecimento: Empreendedorismo, Alfabetização Digital, Educação Financeira e Liderança.

Promove a geração, disseminação e apropriação do conhecimento sobre as principais lacunas de desigualdade que afetam as mulheres, a fim de impactar diferentes instâncias para reduzir essas lacunas.

O Fundo Fundación WWB Colombia para la Investigación apoia financeiramente o desenvolvimento dos trabalhos de campo de estudantes de mestrado e doutorado, assim como de grupos de pesquisa que abordam desafios relacionados com empreendimentos liderados por ou com a participação de mulheres⁵. Tem como foco especial a realidade das mulheres rurais do Cauca e Vale do Cauca, no sudoeste da Colômbia. A primeira colocação do Fundo foi feita com uma alocação de aproximadamente US$ 333.000.

Trabalha na identificação e definição de projetos de investimento que gerem impacto social e promovam o fechamento de lacunas de desigualdade de gênero⁶. É a partir dessa frente que são promovidos investimentos em outras iniciativas, como, por exemplo, o Fondo Pionero da Acumen e o programa de Contratos de Impacto Social liderado pela Fundação Corona.

A fundação estabelece parcerias com terceiros a fim de atuar com sinergia na obtenção de resultados. Atualmente, trabalha com cerca de 50 parceiros tanto no Vale do Cauca quanto em âmbito nacional e internacional.

⁵ Fundación WWB. Conocimiento Disponível em
⁶ Fundación WWB. Qué hacemos Disponível em

"Fortalecemos a tomada de decisões de investimento aplicando os padrões internacionais de gestão de recursos, que adotamos ao nos tornar signatários dos PRI (Principles for Responsible Investment), sendo a primeira e única fundação na Colômbia e América Latina (com exceção do Brasil) a fazer parte dessa rede internacional".


Daniela Konietzko

Presidenta da Fundação WWB.

No Ruta Yarú, é realizado um processo de identificação de projetos produtivos ou empreendimentos com alto potencial de crescimento para que ingressem no programa de capital semente Tu inversión con propósito.

Financiamento personalizado

No Ruta Yarú, é realizado um processo de identificação de projetos produtivos ou empreendimentos com alto potencial de crescimento para que ingressem no programa de capital semente Tu inversión con propósito. (Teu investimento com propósito). Esses empreendimentos são acompanhados durante aproximadamente seis meses por consultores empresariais que definirão um projeto de investimento e o plano de ação do negócio a fim de gerar crescimento. No final do processo, é concedido capital semente não reembolsável no valor de US$ 1.400 a US$ 5.560, de acordo com o projeto de investimento elaborado.

O programa de mentoria Voy de la Mano (Vou de Mãos Dadas), que inclui o acompanhamento de mentores especializados e com ampla experiência para provocar as transformações desejadas no empreendimento, oferece aos participantes alguns incentivos financeiros de valores baixos: US$ 550 aproximadamente, também não reembolsáveis.

A fundação também trabalha em uma estratégia de investimentos diretos, para a qual propõe veículos híbridos que incluem capital acionário, dívida, dívida conversível e blended finance, com foco especial em Fintech7 Son inversiones de impacto que buscan aprovechar los recursos del fondo patrimonial de la fundación para seguir generando impacto social y ambiental mientras se genera una rentabilidad equiparable a una inversión moderada.

 

Apoio não financeiro

O programa Yarú parte do entendimento de que as desigualdades de gênero são uma realidade que gera vulnerabilidades na vida das mulheres, reduzindo sua independência econômica e pessoal.

De acordo com a teoria da mudança do programa, o que ocasiona riscos, desigualdades e desvantagens nos contextos imediatos das mulheres é a dificuldade de acessar recursos estratégicos (educacionais, econômicos, sociais), a falta dos quais reduz as possibilidades de tomar decisões acertadas em suas vidas e influenciar positivamente a vida de seu núcleo próximo.

O programa Yarú foi desenvolvido seguindo o conceito de gamificação (aprender brincando). O programa visa o desenvolvimento da pessoa e o fortalecimento de seus negócios e das relações com seu meio ambiente, seguindo a ideia de que “o reflexo do negócio é o reflexo de si mesmo”. Esse processo de formação (quatro níveis em um ano) aborda temas como liderança, empreendedorismo, alfabetização digital e educação financeira, com o apoio de palestras, oficinas, jogos e consultoria empresarial⁸.

O programa de mentoria Voy de la Mano (Vou de Mãos Dadas) inclui o acompanhamento de mentores especializados para provocar as transformações desejadas no empreendimento.

Toda essa rota é acompanhada de uma formação complementar que cobre aspectos de finanças pessoais, dada mediante o curso intitulado Gestão bem-sucedida do dinheiro (presencial ou virtual) e o aplicativo móvel gratuito Miga, que permite trabalhar em temas de orçamento, dívida, poupança e tomada de decisões financeiras com base em informações e na geração de melhores hábitos.

Esses programas andam lado a lado e se complementam com outras iniciativas que abordam questões relevantes para suas beneficiárias, como a mentoria Voy de la Mano, ou a estratégia de prevenção da violência de gênero intitulada Ofélia no Está Sola (Ofelia não Está sozinha).

8 Fundación WWB. Conocimiento. Disponível em

foto2 (4)29.jpg
 

Resultados

Para a Fundação WWB, a medição é um aspecto muito importante, pois além de visibilizar as conquistas, permite gerar informações que podem ser o início de projetos de pesquisa, insumos para outras organizações e a base para a elaboração de recomendações de políticas públicas e a melhoria contínua do processo. A medição inclui os ODS como ponto de referência para o relatório de resultados.

Parte de uma linha base e um acompanhamento feito até o final do processo a fim de entregar uma análise completa que defina as condições iniciais, os aspectos que apresentaram mudanças significativas e aqueles que não. Além disso, foi incorporada uma fase de medição posterior que permite identificar os efeitos da formação oferecida pela fundação.

Entre 2012 e 2019, foram atendidas 12.759 pessoas em 10 municípios do Vale do Cauca. Foram realizados 121 processos de mentoria para empreendedoras, 43 deles beneficiados com capital de giro. O Fundo WWB para la Investigación financiou 17 projetos, totalizando um investimento de mais de US$ 300.000.

Para a Fundação WWB a medição é um aspecto muito importante, pois além de visibilizar as conquistas, permite gerar informações que podem ser o início de projetos de pesquisa.

Além disso, foi apoiada a constituição e o financiamento do Observatorio de la Equidad de la Mujer no Vale do Cauca e foram realizados três investimentos de impacto social.

A Fundação WWB é a primeira na Colômbia e América Latina (à exceção do Brasil) a fazer parte da rede internacional PRI (Principles for Responsible Investment) e trabalha de forma estreita com mais de 80 parceiros institucionais.

A estratégia de prevenção à violência de gênero, chamada de Ofelia No Está Sola, conseguiu tocar a vida de mais de 5.000 mulheres na Colômbia, diretamente ou por meio de aliados. Além disso, está sendo desenvolvido um acordo com a Alta Consejería para la Equidad de la Mujer de la Presidencia de la República, em parceria com dez secretarias departamentais, para formar orientadores, distribuir material didático e atualizar o diretório de entidades de apoio às mulheres afetadas pela violência.

foto3 (2)29.jpg
 

Aprendizados e perspectivas

A experiência adquirida nesses anos de trabalho permite a Fundação WWB Colômbia afirmar que trabalhar na diminuição das lacunas de desigualdade de gênero e promover a participação ativa das mulheres no desenvolvimento econômico é o melhor caminho para aproveitar o potencial transformador delas em benefício da sociedade.

Nesse sentido, foi fundamental o acompanhamento da diretoria no desenvolvimento dos projetos, bem como a sua disposição de experimentar e aprender com os erros a fim de tornar esses projetos eficientes, eficazes, replicáveis, escaláveis e sustentáveis. As diretrizes da fundação também enfatizam que, nesse tipo de processo, é fundamental contar com uma equipe humana que acredita no poder das intervenções que realiza.

Trabalhar de mãos dadas com outras organizações que têm o mesmo propósito permitiu coordenar esforços, de modo a não investir o mesmo peso (moeda da Colômbia) no mesmo beneficiário com apostas semelhantes.

Trabalhar de mãos dadas com outras organizações que têm o mesmo propósito permitiu coordenar esforços, de modo a não investir o mesmo peso (moeda da Colômbia) no mesmo beneficiário com apostas semelhantes.

Seu processo de planejamento estratégico de longo prazo, com o qual definiu mais claramente uma teoria da mudança que reconhece questões estratégicas, identifica as habilidades e competências que a organização possui, as que deve desenvolver para cumprir o propósito de sua missão e a relevância do acompanhamento por meio de indicadores que permitam dar conta do cumprimento dos objetivos.

A fundação conta atualmente com três investimentos de impacto social realizados indiretamente em fundos, tais como o Limited Capital Partners Fund, que tem investimentos em instituições de microfinanças em diferentes partes do mundo, também focados na inclusão financeira das mulheres, o Fundo ALEG da Acumen e o segundo Contrato de Impacto Social, realizado em Cali (ver caso da Fundação Carona no presente estudo).

"Sim, esses investimentos de impacto social são considerados capital paciente, são de prazo mais longo, mas nos mostram que a rentabilidade econômica pode coexistir com a rentabilidade social".

Daniela Konietzko.

Presidenta da Fundação WWB.

O futuro determina para a fundação o desafio de consolidar uma política de investimentos de impacto em todo o contínuo de capital, com uma perspectiva de gênero e o propósito de se tornar um ator relevante nesse tipo de iniciativas, que na Colômbia ainda parecem tímidas.

Como resultado da atual conjuntura provocada pela COVID-19, a fundação lançou em julho de 2020 um plano chamado Reactívate (Reative-se), em 10 municípios do Vale do Cauca. Esse plano conta com mais de US$ 1.600.000. Com esse valor, serão atendidos cerca de 3.000 empreendedores e suas famílias, buscando-se a reativação de seus empreendimentos e a recuperação de seu nível de renda no curto e médio prazo.

foto4 (2)29.jpg